Resenha: Penitência, da Kanae Minato



Mas não foi um erro fazer aquelas meninas, que estavam brincando com a sua filha, encararem toda a tristeza.
Autora: Kanae Minato
Páginas: 192
Ano: 2019
Editora: Gutenberg
Onde encontrar: Skoob | Amazon
Um arrepiante suspense psicológico sobre a vida de quatro mulheres, unidas para sempre por um dia terrível em sua infância.
Quinze anos atrás, uma menina de 10 anos foi assassinada em uma pacata cidade do interior do Japão. Quatro garotas que estavam com a vítima pouco antes de ela ser morta falaram com o suspeito, mas, por algum motivo, nenhuma delas conseguia se lembrar do rosto dele, e o caso foi arquivado.
A mãe, inconformada com a perda da filha, queria vingança, e ameaçou as garotas: “Eu nunca vou perdoar vocês. Façam o que for preciso para encontrar esse assassino. Se não conseguirem, cada uma terá que pagar uma penitência”.

Em Penitência vamos acompanhar a vida de quatro amigas de infância, Sae, Maki, Akiko e Yuka, todas com dez anos de idade. Mas recentemente as meninas aceitaram a novata Emilly, que veio com os pais de Tóquio. Num dia comum, as cinco meninas estavam brincando na escola, quando um homem uniformizado chegou perto delas e pediu ajuda, dizendo que precisava de uma menina para trocar algo que era muito alto. Foi assim, que ele escolheu Emilly, dentre as amigas. Após algum tempo as meninas sentem falta de Emilly e percebem que ela ainda não tinha voltado, assim, decidem ir atrás dela. Quando as meninas voltam, encontram algo que muda a vida delas pra sempre.

A pior parte de tudo isso é que elas encontram Emilly morta e não lembram do rosto do assassino. E é assim que a mãe de Emily, dona Asako, fica revoltada e começa a nutrir um ódio por elas. Como as garotas não lembram do acusado, a Asako deu um tipo de "ultimato" a elas, dizendo que se elas não se esforçarem para lembrar ou não fazerem nada, vão pagar um Penitência.
Significado de Penitência= arrependimento ou remorso por erro que se cometeu, esp. por haver ofendido os mandamentos divinos; contrição, metanoia.ou uma pena imposta para expiação desse erro.
Com o passar do tempo (quinze anos para ser mais exata), o caso está para ser prescrito, e o assassino ainda não tinha sido encontrado. As meninas seguiram suas vidas e quando o julgamento se aproxima vamos acompanhar o estado mental de cada uma, e como elas se sentem após tudo.

Em cada momento durante a leitura percebemos que tem algo acontecendo com as quatro garotas e com a mãe de Emily. O final não deixou a desejar, e foi o melhor que eu li até o momento. Sendo um livro de suspense e mistério, a autora soube prender cada acontecimento direitinho, sem nenhuma ponta solta ou dúvida sobre o assassino.


Jamais perdoarei vocês, a não ser que encontrem o assassino antes da prescrição. Se não conseguirem fazer isso, então se redimam do que fizeram de um jeito que eu aceite. Se não fizerem nenhuma da duas coisas, digo aqui e agora que vou me vingar de cada uma de vocês.
O livro é muito bem escrito, com capítulos bem divididos. Temos o antes e o depois do assassinato, com a senhora Asako narrando e contando como se sente com tudo isso. As meninas seguiram em frente, mas nunca esqueceram do ocorrido na escola, e muito menos da Asako ameaçando elas. Com o julgamento bem em cima, e o assassino sendo revelado, acabou que tudo foi muito bem solto no final e valeu a pena.


A diagramação e a capa esto perfeitas, sem nenhum detalhe ou erro que me faça deixar o livro de lado. A editora arrasou nos detalhes e com a divisão dos capítulos. A sinopse é bem vaga, e super recomendo você começar a ler após ler o verso do livro.

Em Penitência você vai encontrar quatro meninas que ficaram marcadas pra sempre depois de um assassinato, uma mãe que busca vingança por causa da morte da sua filha e um assassino sem rosto e que ficou impune por quinze anos. Com a escrita da Kanae que vai te fazer ler até o ultimo capitulo querendo saber de cada detalhe e com um mistério a ser desvendado só no ultimo segundo. Sem deixar de nos dar um ótimo plot com a revelação e o porque de tudo.

Super recomendo esse livro e o primeiro também. Foi o meu primeiro contato com a autora mas eu amei cada segundo que passei lendo, e não me arrependo de ter começado pelo segundo livro publicado pela editora. Sendo o segundo Confissões, e vai contar uma história totalmente diferente mas com uma pegada bem aprecida.
Espero que tenham gostado d resenha e me contem nos comentários se já leram esse ou outro livro da autora. Gostam de livros do gênero, então, me recomenda nos comentários também. Eu leio tudo e sempre respondo.

Beijoss, e até a próxima!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário



O cheiro de livros me dá as boas-vindas imediatamente e eu me sinto em casa. Pode me chamar de Alice, tenho 22 anos (com carinha de 15). Aqui você vai encontrar de tudo um pouco, porque sou uma estudante de publicidade eclética e hiperativa de 6h às 18h.





Colaborador


Busca

Facebook

Seguidores

Arquivos

Populares

Editoras Parceiras 2019

Tecnologia do Blogger.