Resenha: Aurora Rising, de Amie Kaufman e Jay Kristoff


[…] Somos a Aurora Legion. Nós não nos curvamos aos tiranos, e não recuamos de uma briga.
Autores: Amie Kaufman e Jay Kristoff 
Série: Aurora Cycle #1
Ano: 2019
Páginas: 472 
Editora: Knopf Books for Young Readers
Onde encontrar: Amazon  |  Skoob
O ano é 2380, e os cadetes graduados da Aurora Academy estão recebendo suas primeiras missões. O pupilo da estrela, Tyler Jones, está pronto para recrutar o esquadrão de seus sonhos, mas o seu próprio heroísmo o prende com os resíduos que ninguém mais na academia tocaria...Um diplomata convencido com uma faixa preta em sarcasmo. Um cientista sociopata com uma predileção por atirar em seus companheiros. Um inteligente especialista em tecnologia com o maior chip da galáxia em seu ombro. Um guerreiro alienígena com problemas de gerenciamento de raiva. Um piloto de moleque que não gosta dele, caso você esteja se perguntando. E o esquadrão de Ty nem é o maior problema dele – esta poderia ser Aurora Jie-Lin O'Malley, a garota que ele acabou de resgatar do espaço interdimensional. Presa em crio-sono por dois séculos, Auri é uma garota fora do tempo e fora de sua profundidade. Mas ela poderia ser o catalisador que inicia uma guerra milhões de anos em formação, e o esquadrão de perdedores, os casos de disciplina e desajustados de Tyler poderiam ser a última esperança para toda a galáxia. NINGUÉM ENTRA EM PÂNICO...

Em Aurora Rising vamos conhecer um pouco sobre Tyler e como ele foi parar com o grupo de formandos que ninguém queria ficar perto na Aurora Academy. Na primeira missão os cadetes são encarregados de entregar uma carga muito valiosa pela galáxia. Só que para a surpresa de todos a bordo, a carga na verdade era uma garota congelada criogenicamente, que por sinal acaba acordando. Aurora O'Malley é uma garota que acordou 200 anos depois e que por sinal, tem super poderes.
"Somos a Legião", diz ele. "Somos a luz", responde Scarlett. "Queimando forte contra a noite", dizemos em uníssono.
No livro vamos conhecer ao todo sete personagens principais, e como cada um tem personalidade forte e conflitante. Como é de se esperar vamos acompanhar a vivencia de todos que além de pensarem diferentes, são completamente bons no que fazem. Eles acabam se tornando o SQUAD 312, e com o passar do tempo todos se unem para ajudar Aurora.

Ninguém sabe por que eles estão nessa equipe, ou qual é a missão exatamente deles e é muito divertido assistir, porque a cada segundo um comentário sarcástico ou brincadeirinha que acaba levando o leitor a dar altas risadas.


“Quase todas as partículas do universo já fizeram parte de uma estrela”, ela diz suavemente. “Cada átomo em seu corpo. O metal em sua cadeira, o oxigênio em seus pulmões, o carbono em seus ossos. Todos esses átomos foram forjados em um forno cósmico com mais de um milhão de quilômetros de largura, bilhões de anos-luz daqui. A confluência de eventos que levaram a esse momento é tão remota que é quase impossível. Ela coloca a mão no meu ombro. Seu toque é desajeitado, como se ela não soubesse como fazer isso. Mas ela aperta suavemente. "Nossa própria existência é um milagre."
Ela pode nunca perder uma oportunidade para me dar um tempo difícil, mas eu sei que minha irmã me seguiria até a borda da galáxia se eu perguntasse. Se o sangue é mais espesso que a água, Scar e eu somos praticamente concretos .
Lendo a sinopse você tem uma noção clara do que vai achar no livro. Claro que não posso falar muito já que são quase 390 paginas de pura ação e ficção. Mas só pra resumir os personagens: Scarlet é a mais amável e "diplomata" (que conseguia convencer a todos), Tyler o Comandante e quem faz tudo pelo livro e na nave (por sinal, eles são irmãos gêmeos). Vamos encontrar também um engenheiro autista, o cretino piloto, um alienígena com uma deficiência e um com problemas de controlar a raiva, cada um com sua melhor forma de envolver o leitor. E antes que eu me esqueça, temos Aurora que se encontra no futuro e não tem ideia do que está acontecendo, além do fato de que todos que ela conhece estão mortos.


O livro é narrado em primeira pessoa pelo ponto de vista de cada um dos personagens (um pouco cansativo, mas você acaba se acostumando), o que também ajuda a entender cada protagonista e como eles operam a nave. O que eu amei foi poder conhecer um pouco sobre o espaço sideral a daqui a 200 anos. Aprendemos sobre a Dobra, que é o que permite eles viajarem através do espaço saltando através do tempo e como os seres humanos aprenderam a coexistir com diferentes espécies alienígenas. Isso me lembrou muito Guardiões das Galáxias e Star Trek, que ficam pulando de espaço para espaço com a nave e todos a bordo.
As luas escolhem os planetas que orbitam? Os planetas escolhem suas estrelas? Quem sou eu para negar a gravidade? Quando você brilha mais brilhante que qualquer constelação no céu?
Antes de terminar quero informar que traduzi as citações da obra, porque nem todos sabem inglês, então, para te ajudar a se encantar pela obra. Saiba que se tinha alguma duvida sobre esse livros, as fotos e citações foram tiradas e colocadas para fazer voce vê o que eu vi enquanto lia.
  Aurora Rising é muito perfeito, e o melhor de tudo é que ele foi escrito para ser lido antes de Illuminae (outra obra dos autores que também espero ser traduzida para o Brasil). O enredo do livro é envolvente, simples e contagiante - e com um pouco de suspense que envolve Aurora, uma vez que ela começa a mostrar seus poderes, e descobrir mais sobre o seu passado. Super recomendo a leitura para todos que adoram ficção, ação e livros futurísticos, tenho quase certeza que vocês vão amar a obra. 

Então é isso gente, espero que tenham gostado da resenha e me contém nos comentários se querem mais resenhas de livros que ainda não foram lançados aqui no Brasil.

Beijoss, e até a próxima!!

9 comentários:

  1. Olá, tudo bem? Esse não é o tipo de livro que eu costumo ler, mas tua resenha me deixou bem curiosa, é uma pena que ainda não tenha aqui no Brasil. Adorei a resenha e dica!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  2. Oi, Alice.
    Adorei a sua resenha e a história parece ser muito interessante. No momento estou lendo outra série de ficção científica, mas assim que terminar, vou ver se acho esse livro para dar uma chance!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  3. Sua resenha me fez literalmente viajar kkk Enquanto lia fiquei pensando em "Guardiões da Galáxia", depois "Uma dobra no tempo" e até "The 100" passou na minha mente enquanto lia sua resenha. Parece ser uma obra inteligente e sagaz, prontíssima para ser adaptada para o cinema e TV. Achei a capa maravilhosa também! Parabéns pela resenha!!

    ResponderExcluir
  4. Ooi,
    Eu amei sua resenha e já coloquei o livro na minha lista de leituras! Adoro ficção futurista, ação e a história parece muito apaixonante! Espero que alguma editora traga a tradução para a gente, mas enquanto isso vou ficar de olho no preço do ebook para comprar em inglês mesmo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Pela sua resenha percebo o quanto se encantou pela obra e agradeço o carinho com nós leitores ao traduzir as citações, pois eu sou uma que não entende nada de inglês.rs Infelizmente, não cheguei a me interessar pela história, mas isso é porque não curto muito ficção científica voltada para essa coisa futurista, sabe? O que chegou a me provocar curiosidade foi a questão da Aurora ter ficado congelada por tanto tempo e até gostaria de saber como ela vai lidar com o fato do mundo ter mudado tanto e de todos que elas conhecia estarem mortos. Torço pela personagem, para que ela consiga encontrar um novo começo.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem? Eu não conhecia a obra mas achei bem interessante a premissa, já vou colocar na minha lista pois faz séculos que não leio um livro em inglês e não posso perder o hábito.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  7. Oi, amei saber da existência desse livro pelo seu post. Gosto muito de histórias que envolvam viagens espaciais e quero ver como será quando a "carga" acordar duzentos anos depois.

    ResponderExcluir
  8. Gostei demais de ler a resenha, ela aguçou minha curiosidade. Ela parece ter um enredo bem intenso e surpreendente, assim como deve emocionar muito o leitor com sua narrativa. Excelente indicação.

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bom?
    Então, não curto muito histórias de ação e ficção, então acho que não seria um livro para mim. No entanto, ver o quanto você gostou me deixou curiosa, assim como essa história da personagem que acorda 200 anos depois. Quem sabe eu não dou uma chance se for traduzido para o português? Ótima resenha e fotos lindas! ♥
    Beijos!

    ResponderExcluir



O cheiro de livros me dá as boas-vindas imediatamente e eu me sinto em casa. Pode me chamar de Alice, tenho 22 anos (com carinha de 15). Aqui você vai encontrar de tudo um pouco, porque sou uma estudante de publicidade eclética e hiperativa de 6h às 18h.





Colaborador


Busca

Facebook

Seguidores

Arquivos

Populares

Editoras Parceiras 2019

Tecnologia do Blogger.