Resenha: Romance em San Marino ll, da Lídia Rayanne


Oi oi gente!!

A resenha de hoje é do livro segundo livro da duologia Romance em San Marino, da autora parceira do blog Lídia Rayanne. Já faz alguns meses que eu li esse livro, mas sempre fiquei protelando na hora de escrever a resenha, porque sabia que seria o meu adeus (definitivo) aos personagens. 
Eu não sou uma blogueira profissional, mas fiquei impressionada com a escrita da autora, porque parece muito com vários livros estrangeiros. Sabe as história da Julia Quinn e Lisa Kleypas, onde elas nos envolvem em uma história linda de romance, porém, sempre falando de assuntos importantes durante a leitura... então, os dois livros a Lídia é assim.
Para saber melhor do que eu quero dizer, acompanhem a resenha do segundo livro (onde tentei ao máximo não dar spoiler). 
Mas antes, deem uma passada na resenha do primeiro livro.


A amo, como nunca imaginei poder amar alguém. Eu quero me casar com ela e transforma-la em minha família. A todos vocês.


Autora: Lídia Rayanne
Páginas: 597
Ano: 2017
Editora: Independente
Onde encontrar: Skoob  |  Amazon


Por amor, unidos. Por cobiça, separados. Pode a morte perdoá-los?
Ângela Olivério jamais imaginou que conquistaria duas coisas que antes julgava impossíveis: encontrar um amor correspondido e poder discursar seus ideais para os líderes do Conselho. Ela só não contava com um detalhe: que Vittore Bonelli, seu maior desafeto, fosse um dos capitães-regentes escolhidos para aquele semestre.
Seu romance com Marco Casali também sofre ameaças quando os cavaleiros negros retornam para assombrar a paz da pequena república. Mas quem estaria por trás de tais ataques? Até onde os dois misteriosos estrangeiros estão envolvidos na perda de um ente querido?
Nesta sequência de Romance em San Marino, intrigas são lançadas, fidelidades são postas à prova, e a revelação de obscuros segredos do passado colocam o futuro de Ângela e Marco em risco. Afinal, até onde eles estão dispostos a ceder para manter suas famílias a salvo?
Romance em San Marino II começa de onde parou no primeiro livro. O que nos leva a acompanhar Ângela na sua jornada para falar com os capitães-regentes e dar a sua ideia sobre melhorias na educação de San Marino. 

O livro é ambientado na região do Monte Titano, no século XIX. Depois da jornada que Ângela e Marco fizeram juntos para chegarem onde estão (no dia da escolha dos novos capitões-regentes), eles sabiam que nada poderia dar errado... e se desse, eles ainda teriam um ao outro, mas o que eles não esperavam era uma rasteira do destino.

Após o conselho escolher Vittore Bonelli, como o mais novo Capitão-Regente. Ângela vê que ainda tem uma pequena chance para falar com o conselho, e apresentar as suas ideias e feitos até o momento, porém, nem todos gostam de saber que uma mulher está querendo tomar alguns rumos e atitudes para a sociedade.

Infelizmente não, minha jovem. Por mais brilhante que sejam suas ideias, receio informá-la de que os cavalheiros em geral têm a tendência a preferir que as mulheres não estejam envolvidas em seus projetos, o que dirá à frente deles.
Nessa mesma noite do jantar de comemoração, Marco decidi dar mais um passo na relação dele e Ângela. Mas, eles acabam "discutindo" e se separam...
E nessa separação Vittore tenta tirar proveito se aproximando de Ângela, para ver se finalmente ela se apaixona por ele. 

O que na verdade era pra ser apenas mais uma história de romance, acaba se tornando uma história cheia de intrigas, mistérios e muitas revelações. Pois, como eu contei na resenha do primeiro livro, a autora criou um cenário e dentro dele desenvolveu várias histórias. Que acaba prendendo a atenção do leitor, fazendo com que ele não largue a leitura por nada.


Ângela Olivério é forte, decidida, inteligente e muito voluntaria. Além de continuar ignorando o que algumas pessoas peçam sobre as suas ideias e vontades. Marco por sua vez, continuar ainda mais irresistível e apaixonante. Contudo, ele agora está com um olhar mais maduro.

Mais uma vez nós vemos que o destino trata de mostrar que só paixão e desejo não é o suficiente para que eles façam tudo que almejam. O casal terá que fazer escolhas difíceis e terão que investigar quem é que está por trás dos ataques e roubos que estão assolando toda San Marino. Porque sim, no primeiro livro somos apresentados a alguns forasteiros com capas pretas, e nesse segundo livro eles ainda aparecem assustando toda a população, mas só na metade do livro descobrimos mais sobre eles.



A escrita da autora está ainda melhor que no primeiro livro. E isso é bem visível durante o desenvolver do romance. Nesse segundo livro ainda encontramos alguns mistérios e bastante suspense, porém, é isso que vai nos envolver na leitura.

Os personagens principais e secundários são muito bem construídos e desenvolvidos, e isso me surpreendeu mais uma vez, pois eu não consigo acreditar que toda essa obra é feita por uma autora brasileira (que orgulho!!).
Eu só quero que você entenda que, se me escolher, eu nunca, nunca vou abandoná-la. Nunca vou fazer você chorar dessa maneira… Eu prometo, céus, eu juro que vou protegê-la e amá-la com toda a intensidade que você merece. Basta você apenas me responder, mia ragazza. Apenas diga a palavra certa. E eu prometo que a felicidade nunca mais deixará você…

Ao ler a sinopse desse segundo livro você já tem uma bela noção da história, o que não me deixou escolha em apenas falar o básico. Mas eu realmente espero que tenham gostado da resenha, e me contem aí nos comentários se já leram o primeiro livro da autora (resenha aqui)

Beijoss, e até a próxima!!

7 comentários:

  1. Oie!
    Que gracinha de livro. Confesso que romance de época não é exatamente a minha praia ou gênero preferido, mas é impossível não achar esses livros e histórias de amor interessantes! Achei muito legal você dizer que se parece com a escrita dos livros internacionais, uma vez que é quase unânime que a gente dê mais importância a livros estrangeiros (mesmo que não devesse ser assim)...
    Adorei sua resenha e os quotes que você escolheu!
    Beijos,
    http://ofantasmaliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, Alice
    Vou te contar... Recebi o livro em Janeiro e até hoje não li ele. Acredita? Primeiro que as ressacas que estou passando estão dificultando muito, mas desde o ano passado quando li o primeiro livro, eu demorei um mês inteiro para finalizar a leitura. É um romance diferente do que estou acostumada e por isso não consigo me prender no início da leitura, então até engrenar de vez, eu fico parando, voltando, enrolando... e por aí vai. Mas decidi que vou terminar a história o quanto antes, até porque sacanagem né, desde Janeiro que não li o livro, é muito tempo.
    Espero poder gostar! Eu curto muito o Marco, mas tenho uma queda pelos vilões e o Vittore é uma gracinha.
    Beijos!
    http://www.suddenlythings.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querida!
      Eu também demorei para começar a ler, e demorei ainda mais para concluir a leitura. Mas quando finalmente tudo começou a se desenrolar e acabei lendo rápido. No primeiro livro foi a mesma coisa, então não estranhei tanto. Mas a história em si é maravilhosa. E depois dessa duologia eu leio até lista de supermercado da autora.

      Beijoss, e boa sorte!

      Excluir
  3. Que resenha mais linda, Alice! <3
    Fico tão feliz que a história tenha te deixado com saudades!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Alice!
    Eu confesso que dei uma passada de olho na sua resenha, para não ficar sabendo de nada antes da hora. Eu já estava bem curiosa quanto a essa duologia e saber que você gostou, me deixa mais animada ainda!
    Eu entendo essa demora para postar a sua opinião para não se despedir logo dos personagens haahaha Eu sempre faço isso e tem alguns que eu nem posto, acredita? haha
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari!
      Que bom que você quer ler essa duologia. a autora arrasou nessa continuação e tenho certeza que você vai amar.

      Beijoss!!

      Excluir
  5. Oiii Alice

    Eu achei bem legal essa dualogia, ainda nem conhecia. Adoro quando os personagens estão todos bem desenvolvidos, não apenas os principais e a premissa da história é interessante também.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir

Sou Alice Mendes, tenho 21 primaveras e sou Pernambucana. Aqui você encontra um pouco de tudo que eu mais amo no mundo: livros, seriados, filmes, fotografia e muito mais ;)

Busca

Facebook

Seguidores

Arquivos

Populares

Editoras Parceiras 2019

Tecnologia do Blogger.