Resenha: A Mulher na Janela, de A. J. Finn [BEDA 30]


Oi oi gente!!

A resenha de hoje é sobre o livro A Mulher na Janela, o primeiro livro do autor A.J.Finn. E que foi publicado aqui no Brasil pela editora Arqueiro. 

Autor: A. J. Finn
Titulo Original: THE WOMAN IN THE WINDOW
Páginas: 352
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Marcador de Página: Link
Onde encontrar: Skoob  |  Amazon

Anna Fox mora sozinha na bela casa que um dia abrigou sua família feliz. Separada do marido e da filha e sofrendo de uma fobia que a mantém reclusa, ela passa os dias bebendo (muito) vinho, assistindo a filmes antigos, conversando com estranhos na internet e... espionando os vizinhos.
Quando os Russells – pai, mãe e o filho adolescente – se mudam para a casa do outro lado do parque, Anna fica obcecada por aquela família perfeita. Até que certa noite, bisbilhotando através de sua câmera, ela vê na casa deles algo que a deixa aterrorizada e faz seu mundo – e seus segredos chocantes – começar a ruir.
Mas será que o que testemunhou aconteceu mesmo? O que é realidade? O que é imaginação? Existe realmente alguém em perigo? E quem está no controle?
 Neste thriller diabolicamente viciante, ninguém – e nada – é o que parece. A mulher na janela é um suspense psicológico engenhoso e comovente que remete ao melhor de Hitchcock.

Anna Fox é psicologa e está reclusa dentro de casa por sofrer de agorofobia. Com 38 anos e divorciada, Anna fica entre ver a vida dos vizinhos com sua câmera (pela janela) e dar conselhos para pessoas na internet, porém, sempre com uma taça de vinho ao seu lado.


Como médica, digo que o paciente precisa estar num ambiente que ele seja capaz de controlar. Essa é a minha avaliação clínica. Como paciente, digo que a agorafobia não veio para destruir minha vida: ela agora é a minha vida.

Mas essa sua rotina muda completamente quando ela "conhece" os novos vizinhos — Os Russells, que se mudam para a casa em frente a sua. Além de serem uma novidade para ela, depois de tanto tempo com a mesma monotonia.

Quando Anna presencia um crime, enquanto vigiava a família Russells. Ela rapidamente procura ajuda. Mas quem acreditaria em uma mulher que mistura os medicamentos com vinho. 

O que vai nos levar a acreditar que ela pode realmente esta falando a verdade, mas quando todos vão a casa dos Russells... tudo está normal.

Será mesmo que ela viu o que disse?
Quem são realmente Os Russells?
Existe realmente alguém em perigo? 
E quem está no controle?

Alguns têm pavor de gente, outros, da desordem do trânsito. Para mim, o problema está na vastidão do céu, na desmesura do horizonte, no simples fato de estar exposta à pressa acachapante da vida ao ar livre.
Eu queria falar mais sobre a história, mas além da sinopse o livro também tem muito mistério que se for revelado vai acabar perdendo a graça. Mas é claro que vamos ter muitos segredos revelados durante a trama, o que só aumentou o suspense durante a leitura.

A diagramação do livro é ótima, com as folhas amareladas o que não deixou a leitura cansativa. Eu comecei a ler o livro por uma amostra que baixei na Amazon, e super recomendo qualquer um dos dois formatos de leituras. A editora manteve a capa original (capa gringa), e isso me deixou muito contente, porque ela é linda.

Esse livro ótimo para quem ainda não leu nada do gênero ou quer se aventurar em algo. Além do suspense o livro também aborda outros assuntos muito importantes (o que me cativou) desde o inicio.
A Mulher Na Janela é um thriller surpreendente, que nos leva a crer em algo chocante, para logo depois provar o contrario. Com uma escrita envolvente e misteriosa, A.J Finn vai nos levar para conhecer Anna e sua vizinhança e como nem tudo é o que aparenta.

Espero que tenham gostado da resenha, e da minha sincera opinião.

Beijoss, e até a próxima!

Um comentário:

  1. Oi Alice, tudo bem? Achei mega interessante o livro ter uma personagem com agorofobia! Aliás, a construção da protagonista parece muito boa, além de ser um bom suspense! Já está na lista de leitura!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir

Sou Alice Mendes, tenho 21 primaveras e sou Pernambucana. Aqui você encontra um pouco de tudo que eu mais amo no mundo: livros, seriados, filmes, fotografia e muito mais ;)

Sorteio

Busca

Facebook

Seguidores

Arquivos

Populares

Editoras Parceiras 2019

Tecnologia do Blogger.

FADA SCRAP FESTA