Quotes: Série Trono de Vidro, da Sarah J. Maas


Oi oi gente!!

Meu nome é Celaena Sardothien - mas não faz diferença se meu nome é Celaena, Lillian ou vadia, porque eu ainda posso acabar com você, independente do que sou chamada.
Uma corte que não apenas mudaria o mundo. Mas que recomeçaria o mundo. Uma corte que poderia conquistar aquele mundo... e qualquer outro que desejasse.
Talvez o mundo jamais fosse perfeito, talvez algumas coisas jamais fossem corretas, mas quem sabe ela tivesse alguma chance de encontrar o próprio tipo de paz e felicidade.
Ela era fogo e luz e brasa. Era Aelin Coração de Fogo e não se curvaria para nada nem ninguém, exceto a coroa que era dela por direito, por sobrevivência e por triunfo.
— As pessoas que ama são apenas armas que serão usadas contra você.
Agora é a vez do suor e das lágrimas, do sangue e do sacrifício. A justiça mais uma vez ocupará o trono do cervo branco, o Senhor do Norte.
Darei ao nosso rei o show que ele merece.
Sou Celaena Sardothien. Vencerei. Não sentirei medo.
- Suficiente! Temos inimigos suficientes, pois é! Há coisas piores lá fora, para enfrentar!
Celaena lentamente se virou para ele, com o rosto sujo de sangue e olhos brilhando.
- Não, não há - disse ela. - Porque eu estou aqui agora.
Aelin sentira algo da ameaça que ele representava. Talvez viver com monstros tivesse arrancado um medo saudável deles.
Vamos estremecer as estrelas.
- Você é inútil.- Diga algo que eu não sei.- Provavelmente teria sido mais útil para o mundo se tivesse morrido de verdade há dez anos.
Era difícil se importar, percebeu ela, ao começar a caminhada de volta para o castelo. Incrivelmente difícil se importar quando não havia mais ninguém com quem se importar.

E quando ambos tinham acabado de contar suas histórias, quando suas almas estavam drenadas pelo luto — mas douradas com crescente alegria —, ela se aninhou em frente a Aedion, seu primo, seu amigo.Eles haviam sido forjados do mesmo minério, dois lados do mesmo ouro, moedas e cicatrizes.
Nada mais restava dentro dela, não de verdade. Apenas cinzas e um abismo, e a promessa inquebrável que entalhara na carne para a amiga que a vira pelo que realmente era.
Não pode escolher quais parte dela amar. Assim como não pode escolher quais partes de mim aceitar.
Então é isso gente, foi um mega post especial só para te preparar para o que vem na jornada de Cealine.

Beijoss, e até a próxima!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário



O cheiro de livros me dá as boas-vindas imediatamente e eu me sinto em casa. Pode me chamar de Alice, tenho 22 anos (com carinha de 15). Aqui você vai encontrar de tudo um pouco, porque sou uma estudante de publicidade eclética e hiperativa de 6h às 18h.





Colaborador


Busca

Facebook

Seguidores

Arquivos

Populares

Editoras Parceiras 2019

Tecnologia do Blogger.