Resenha: Quando a Bela domou a Fera, da Eloisa James

Oi oi gente!!

A resenha de hoje é do primeiro livro da série da autora, a editora Arqueiro está arrasando nas edições e durante a leitura, você vai perceber que além desse livro a autora também criar outras releituras maravilhosas, afim de te levar novamente para os contos de fadas... 


Autora: Eloisa James
Série: Contos de Fadas #1
Páginas: 320
Ano: 2017
Editora: Arqueiro
Onde encontrar: Skoob  |  Amazon
Piers Yelverton, o conde de Marchant, vive em um castelo no País de Gales, onde seu temperamento irascível acaba ferindo todos os que cruzam seu caminho. Além disso, segundo as más línguas, o defeito que ele tem na perna o deixou imune aos encantos de qualquer mulher.
Mas Linnet não é qualquer mulher. É uma das moças mais adoráveis que já circularam pelos salões de Londres. Seu charme e sua inteligência já fizeram com que até mesmo um príncipe caísse a seus pés. Após ver seu nome envolvido em um escândalo da realeza, ela definitivamente precisa de um marido e, ao conhecer Piers, prevê que ele se apaixonará perdidamente em apenas duas semanas.
No entanto, Linnet não faz ideia do perigo que seu coração corre. Afinal, o homem a quem ela o está entregando talvez nunca seja capaz de corresponder a seus sentimentos. Que preço ela estará disposta a pagar para domar o coração frio e selvagem do conde? E Piers, por sua vez, será capaz de abrir mão de suas convicções mais profundas pela mulher mais maravilhosa que já conheceu?

O livro Quando a Bela domou a Fera, é uma releitura da Bela e Fera, e vai nos contar a história de Linnet Berry — uma jovem inteligente, linda e que tem um charme que faz todos gostarem dela. Linnet tem uma enorme fila de pretendentes, e até mesmo o príncipe caiu nos seus encantos. 

Porém, tudo muda quando ela acaba se tornando motivo de escândalo, que envolve o príncipe e sua vida acaba virando de cabeça para baixo. Antes Linnet era a mais querida (e a mais disputada nos salões) da sociedade londrina, e agora, ela não tem mais ninguém — nem pretendentes ou amigas.

A unica solução que a sua família encontrou, para ela não ser totalmente arruinada, foi manda-la para o País de Gales. Ao chegar em Gales, Linnet conhece Piers Yelverton, o conde de Marchant — e também conhecido como FERA.

Á sua maneira, Linnet era a versão feminina dele próprio: detestável, bonita demais, inteligente demais, mordaz demais.


A muito tempo atrás Piers sofreu um acidente que o deixou impossibilitado de ter herdeiros e também com algumas dores no corpo. Ele trabalha como médico em um Palácio, e por seu temperamento e comportamento (muitas vezes rude), acabou recebendo o apelido de FERA.

Quando Piers conhece Linnet, sabe o porque dela está ali. Sabe que o seu pai a chamou para eles se casarem, mas se depender dele... isso não vai acontecer.
Ela é minha — disse Piers, sentindo o sabor daquelas palavras em sua língua. Elas cabiam ali, cabiam em seu coração — Ela é minha.
Com o passar do tempo, vamos acompanhar as discordâncias e discussões dos dois. Piers acaba vendo o quão inteligente é Linnet. Enquanto ela vai descobrindo coisas maravilhosas dele, e percebendo que mesmo com as diferenças dos dois, eles nasceram um para o outro. 

Ela é como minha metade. Minha outra maldita metade, como uma especie de piada que Platão inventou. Como algo que nunca quis, e então lá estava ela.

O livro tem um enredo maravilhosamente bem escrito. O mais interessante dos livros da Eloisa James é que ela nos dá a oportunidade de conhecer os "dois lados da história", permitindo saber como é a vida de quem morava nas rodas da alta sociedade londrina, e de quem tem que sofrer com o lado que não vivia da forma que a sociedade gosta.
— Vai fazer minhas vontades?— Não exatamente, mas caramba.. você é boa.
Eu li todos os livros da série pelo kindle. Então, não posso opinar muito sobre a diagramação e capa, mas pelo que percebi são bem confortáveis. A capa é linda, mas infelizmente não me agradou muito.

Série:

Quando a Bela Domou a Fera - Você está nela
Um Beijo a Meia-Noite - Resenha
Duquesa Feia - Ainda não publicada

Espero que tenham gostado da resenha, e se já leram algo da autora me contem nos comentários.

Beijoss, e até a próxima!

Archie Comics ou Riverdale?


Oi oi gente!!

Hoje eu vim falar sobre Riverdale que recentemente se tornou a série queridinha para todas as idades. Não é difícil você no final do primeiro capitulo, acabar não se apaixonar pelo instinto investigativo da Betty, pelo sarcasmo e humor acido do Jughead, pelo deboche da Verônica, pelas cenas marcantes que a Cheryl, e pelo companheirismo do Archie.

Mas para você que ainda não sabe, Riverdale é uma adaptação dos quadrinhos Archie Comics. A The CW acabou lançando a novidade na rede e depois de alguns episodios, já conta com milhares de fãs por todo o mundo.

Bom, como previsto pelo escritor Roberto Aguirre-Sacasa, Riverdale é dito para apresentar uma visão mais subversiva sobre os personagens clássicos de Archie Comics, enquanto explora "vida de cidade pequena e a escuridão e estranheza borbulhando sob fachada saudável de Riverdale." Algumas das mudanças incluem um Archie (KJ Apa), uma Betty (Lili Reinhart) que ama Adderall um pouco demais, e um galã emo Jughead (Cole Sprouse). Mas enquanto Jughead adorar a comida mais do que qualquer outra coisa, ele ficará bem próximo de sua encarnação de quadrinhos.

Camila Mendes interpretará a eterna e frenética Verônica de Betty, enquanto Ross Butler foi escalado como o rival de Archie, Reggie Mantle. Riverdale também apresentará Casey Cott como Kevin Keller, um personagem mais recente de Archie que é abertamente gay, assim como Josie e as Pussycats, interpretadas por Ashleigh Murray, Irie Hayleau e Ashanti Bromfield. E, claro, Riverdale também tem o ex-ícone adolescente Luke Perry a bordo para interpretar o pai de Archie, Fred.

Riverdale está sendo produzido por Greg Berlanti, um homem muito ocupado que agora tem cinco shows diferentes no The CW! Embora um cruzamento entre Riverdale e Bertlanti’s Arrow, The Flash, Supergirl e DC's Legends of Tomorrow não seja provável, nós dizemos: vá em frente! Não há melhor maneira de mostrar o quão louco é essa nova encarnação de Archie do que deixar os personagens de Riverdale interagirem com os super-heróis da DC. Se Archie e The Punisher podem se encontrar (e eles têm), então The CW deveria fazer essa história insana acontecer!

Você está ansioso para ver Riverdale na próxima temporada? Sabe outras novidades da série? Então, me conta aqui nos comentários.

Algumas informações foram tiradas de sites que infelizmente acabei perdendo o link das fontes. Mas se tiverem alguma dúvida, podem perguntar...

Beijoss, e até a próxima!!

Book Review: As Crônicas de Marte, de George R. R. Martin e Gardner Dozois

Oi oi gente!!

A resenha de hoje é de um livro de contos que vai te tirar o fôlego em determinados momentos, porém, também vai te deixar com tédio e confusa em outros...

Os autores George e Gardner já fizeram um projeto parecido, que originou na obra O Príncipe de Westeros e outras Histórias, que também tem resenha aqui no blog. Esses dois livros foram publicadas pela editora Arqueiro, e conta com a participação de vários autores famosos e renomados da ficção e fantasia.

Título original: Old Mars
Autores: George R. R. Martin e Gardner Dozois (e outros grandes autores)
Páginas: 496
Editora: Arqueiro
Ano: 2018
Onde encontrar: Skoob  |  Amazon


Uma princesa de Marte e As crônicas marcianas, dos mestres Edgar Rice Burroughs e Ray Bradbury, foram clássicos que influenciaram a imaginação de milhões de leitores e mostraram que aventuras espaciais não precisavam se passar numa galáxia distante, a anos-luz da Terra  para serem emocionantes. Elas podiam ser travadas logo ali, no planeta vizinho.
Antes mesmo do programa Mariner e da corrida espacial, a imaginação já povoava nosso sistema solar com seres estranhos e civilizações ancestrais, nem sempre dispostos a fazer contato amigável com a Terra. E, de todos os planetas que orbitavam o nosso Sol, nenhum tinha uma aura de maior romantismo, mistério e aventura do que Marte.
Com contos escolhidos e editados por George R. R. Martin e Gardner Dozois, As crônicas de Marte retoma esse sentimento ao celebrar a Era de Ouro da ficção científica, um período recheado de histórias sobre colonizações interplanetárias e conflitos antigos.
Para essa missão, autores consagrados como Michael Moorcock, Mike Resnick, Joe R. Lansdale, S. M. Stirling, Mary Rosenblum, Ian McDonald, Liz Williams e James S. A. Corey foram convidados a revisitar o misterioso planeta vermelho, aqui representado como um destino exótico e desértico, com cidades em ruínas, civilizações impressionantes... e, é lógico, perigos inimagináveis.
Enfim, o bom e velho Marte está de volta.
As Crônicas de Marte é um livro de contos que foi organizado por George R. R. Martin e Gardner Dozois. Como o titulo do livro já diz, ele fala sobre Marte. E todos os contos tem o mesmo cenário - Marte. 

O livro vai nos apresentar 15 contos de ficção-cientifica. E cada história tem uma forma diferente de nos prender a leitura, com personagens e enredos cheios de mistérios, escritos com grande detalhes.

Não vou falar sobre cada conto porque são muitos, mas quero que saibam que essa obra é perfeita para quem gosta de ficção e fantasia.


 Ele às vezes se perguntava se Deus e Lúcifer tinham feito um pacto. Deus governaria a Terra e o diabo ficaria com Marte
Cada conto tem detalhes intrigantes, com personagens bem desenvolvidos. Encontramos alguns sendo narrados em primeira pessoa e outros em terceira pessoa.

O livro tem uma capa linda, as paletas de cores remetem ao planeta vermelho que é descrito várias vezes na leitura. A diagramação é ótima, e vamos ter 15 contos com a descrição de cada autor e do conto que vamos ler. 


Espero que tenham gostado da resenha, que mesmo sendo pequena foi bem detalhada sobre o que vocês vão encontrar durante a leitura.
Em Marte todas as coisas que podem dar errado dão, e as que não podem também.

Beijoss, e até a próxima!

Sou Alice Mendes, tenho 21 primaveras e sou Pernambucana. Aqui você encontra um pouco de tudo que eu mais amo no mundo: livros, seriados, filmes, fotografia e muito mais ;)

Sorteio

Busca

Facebook

Seguidores

Arquivos

Populares

Editoras Parceiras 2019

Tecnologia do Blogger.

FADA SCRAP FESTA