5 Séries na Netflix para o final de semana

Foto: Tumblr 
Oi oi gente!!

O post de hoje vai ser sobre as minhas séries favoritas de 2018, então vai ser algo mais descontraído. Bom, eu sei como é difícil encontrar uma série legal ou que vale a pena fazer maratona sem ficar naquela vibe bem deprimida de fim de série. E é pra isso que vou indicar 5 séries da Netflix, porque eu sei como é chato acabar todas as temporadas de La Casa de Papel ou Stranger Things (estou atrasada com esse post, eu sei), e focar naquela "ressaca". 

Riverdale

Riverdale traz uma abordagem subversiva de Archie (KJ Apa), Betty (Lili Reinhart), Veronica (Camila Mendes), Jughead Jones (Cole Sprouse), Josie (Ashleigh Murray) e seus amigos, explorando o surrealismo de uma pequena cidade e seus curiosos habitantes. A história começa quando a cidade se recupera de uma trágica perda, o que leva Archie a pensar mais seriamente a respeito de seu futuro. Com isto, ele embarca em uma jornada em busca de realizar o seu sonho de tornar um grande músico; mas cumprir essa missão não será nada fácil, enquanto Archie ainda precisa lidar com sua agitada vida amorosa, dividido entre Betty e Verônica.

Legion

David Haller (Dan Stevens) é um rapaz diagnosticado com esquizofrenia que passou os últimos cinco anos de sua vida em um hospital. Institucionalizado mais uma vez, David se perde na rotina estruturada da vida no hospital, e passa todo o seu tempo em silêncio junto à amiga Lenny (Aubrey Plaza), uma paciente cujo vício em drogas e álcool não diminuiu em nada seu otimismo. Mas a vida de David muda com a chegada de uma nova paciente: Syd Barrett (Rachel Keller). Atraídos um pelo outro, David e Syd compartilham um encontro surpreendente, depois do qual David enfrenta a possibilidade de as vozes que ele ouve não sejam exatamente produtos de sua imaginação.

The Gifted

Quando se descobrem mutantes, os irmãos Andy e Lauren passam a lidar com uma “caça às bruxas”, enquanto aprendem a lidar com seus poderes. Forçada a fugir de um governo hostil, a família dos jovens se une a um grupo clandestino de mutantes que luta para sobreviver. Uma co-produção FOX e Marvel Television, a série se passa no universo X-Men.

I Zombie

Olivia “Liv” Moore (Rose McIver) tinha bochechas rosadas, era disciplinada, médica residente com sua trajetória de vida completamente traçada… até a noite em que ela foi a uma festa que transformou-se, inesperadamente, em um frenesi zumbi. Agora, transformada em morta-viva, ela conseguiu um emprego no departamento legista para ter acesso aos cérebros de que deve se alimentar para manter sua humanidade. Mas, a cada cérebro que ela consome, ela herda a memória que nele habitava.

Shadow hunters

Clary Fray é uma adolescente de 15 anos que, sem querer, presencia o acontecimento de um crime. Mas este não é um crime como outro qualquer: três adolescentes cobertos com tatuagens estranhas são os responsáveis pelo assassinato, executado com armas que Clary nunca viu antes. Antes de ela conseguir fazer alguma coisa, os três justiceiros se apresentam para ela: Jace, Alec e Isabelle são Caçadores de Sombras, responsáveis por proteger o mundo de vampiros, lobisomens e monstros que querem fazer o mal.


Então, é isso gente. Essas foram as séries que eu assisti recentemente e super recomendo você assistir também... espero que gostem!

Beijoss, e até a próxima!

5 livros com Personagens Femininas

Oi oi gente!!

Para quem já acompanha o blog a algum tempo, sabe que todo mês temos um post relacionado a livros, chamado - Próximo Capitulo.
O tema desse mês como podem ver foi em homenagem ao dia das mulheres que foi no dia 08/03.

No meu post eu vou citar 5 personagens que alguns de você não devem conhecer por serem alguns de autoras nacionais. Mas espero que gostem e se divirtam com a tentativa de descrição das protagonistas femininas.

Participantes:

Galaxia dos Desejos | Pétalas de Liberdade | Instantes Memoráveis | Degradê Invisível | Arsenal de Ideias | Viver em dois mundos | Próxima Primavera | Capítulo 1 | Porre de Leitura e Livros | Livro Apaixonado

1. Sadie White, do livro Sem Fôlego (Resenha)


Sadie White é uma garota de 17 anos. Ela desde pequena sempre cuidou de si mesma, já que a mãe quase sempre nunca estava em casa ou estava ocupada com os namorados. Sadie é muito mais madura e inteligente do que as garotas da sua idade, e é isso que nos envolve na história, porque além de cuidar da mãe e de si mesma. Ela se preocupa com o bebe que a mãe está esperando... além de tentar ficar longe do seu chefe que é um Rockstar.

2. Dominika, do livro Red Sparrow (Roleta Russa)

Essa foi uma personagem bem diferente das que encontrei nos livros do gênero. Dominika sempre sonhou em ser uma bailarina, e quando o seu sonho virou realidade ela o agarrou com unhas e dentes. Porém, quando um acidente acontece com ela, e a impossibilita de seguir em frente. O que resta pra ela é seguir em frente e com a cabela erguida... o que Dominika não esperava era ser levada para um escola onde treinam jovens para serem espiões, mais conhecidos como Red Sparrows.

3. Alice Carter, do livro Codinome Pandora (Resenha)

Essa é uma das minhas personagens favoritas da vida. Alice além de ser espiã é também uma jovem de 16 anos, que tenta manter a segurança da sua família a qualquer custo. Nem que pra isso ela tenha que abrir mão do seu grande amor...


4. Madeline Whittier, do livro Tudo e Todas as Coisas (Resenha)


Maddie tem 18 anos e nunca colocou o pé fora de casa. Ela foi diagnosticada (quando ainda era um bebê) com IDCG — Imunodeficiência Hereditária Grave, aquela doença que os pacientes tem o sistema imunológico muito baixo, ou seja, tudo pode deixar eles doentes ou até mesmo matar. Esse livro é um dos maravilhosos que eu já li, e super recomendo você ler ele também. Eu nem preciso comentar que essa personagem deu a volta por cima, porque se você lê a resenha ou já ouviu falar do livro, sabe do que eu estou falando.

5. Mika, do livro Meu Vizinho Indiscreto


Esse livro foi a minha última leitura e eu fiquei impressionada com a riqueza de detalhes que as autoras Luisa Aranha e Mari Monni, fizeram da personagem. Além de independente aos 19 anos, Mika sofreu na sua adolescência. Com os abusos do Padastro e dos meio irmãos. 


Então é isso gente, espero que tenham gostado do meu post. Se quiserem conhecer os blogs participantes, todos os links estão lá em cima.

Beijoss, e até a próxima!!

Resenha: Os Últimos Dias, da Bela Dias.



 Oi gente, hoje vim falar deste livro de parceria ❤ que sem dúvidas foi uma surpresa pra mim: Os últimos dias, da Bela dias. (Agradeço todo carinho,e confiança que foi depositado em mim).

Autor(a): Isabela Dias
Editora: Novo Século
Páginas: 128
Onde encontrar: Saraiva  |  Skoob
Ano: 2016
O tempo é algo subjetivo. Ele pode ser infinito para alguns e efêmero para outros. No entanto, uma coisa é certa: todos nós temos nosso tempo. E o de Raquel e Gabriel está acabando, pois ambos foram diagnosticados com leucemia. Ela tem 16 anos e ele, 6. Apesar da diferença de idade, ao se conhecerem no hospital, os dois rapidamente se tornam melhores amigos. Juntos, descobrem como aproveitar seus últimos dias, em meio a tantos tratamentos, remédios, dores, exames e olhares piedosos, tornando a dura e triste rotina do hospital um pouco mais divertida. Seja com uma coleção de pores do sol, observando formatos de nuvens, assistindo a desenhos infantis ou lendo O Pequeno Príncipe, mas, principalmente, acreditando que em todo fim existe um novo começo.É preciso ver a morte de perto para valorizar plenamente a vida.






 Antes de falar sobre a história, gente que capa linda!!!!!! O livro é mais pequeno que o tamanho normal. Mas não deixa a desejar em cada detalhe. Amei! S2




É muito difícil escrever o que sente é fazer tudo voltar à tona.



Com apenas 16 anos, Raquel se encontra com o diagnóstico de leucemia, e desde disso sua rotina se torna apenas viver em um hospital. Antes disso, na escola ela sempre era vista como a estranha, e sempre teve poucos amigos. Após ter descoberto a doença, algumas pessoas tentaram se aproximar dela, mas apenas por sentir pena, e Raquel não queria isso. (Afinal, ninguém quer né? Rs) Apenas no pequeno Príncipe - o Gabriel que ela encontra a verdadeira amizade. Ele, apenas um garotinho de 6 anos, mas ambos com a mesma doença. A partir dessa sincera amizade o livro vai se desenvolvendo.

Gabriel se encontra num estado mais crítico que o dela Raquel é sua única companhia. 

 O livro em si é bem pequeno, fiquei surpresa quando recebi. Li rapidinho, com apenas 128 páginas é uma daquelas leituras bem leves. Mesmo com uma temática um pouco triste, não tem nem como não se emocionar. Rs.

O  livro chamou minha  atenção por trazer esse assunto, eu particularmente gosto demais de livros com essas histórias, alguns com uns finais tristes mas que nos fazem repensar, e refletir.

E você? Como viveria se soubesse que esses estão sendo seus últimos dias? Espero que vocês leiam!!

A Bela Dias é um amor!! E muito linda. ❤

 Não é um livro de romance! E sim aprendizado, dores, amizade, pores do sol, A hora da aventura e o livro O pequeno Príncipe. S2. Dê uma chance ao livro! Você não vai se arrepender não. 

Um Beijo, Raissa!

Sou Alice Mendes, tenho 21 primaveras e sou Pernambucana. Aqui você encontra um pouco de tudo que eu mais amo no mundo: livros, seriados, filmes, fotografia e muito mais ;)

Sorteio

Busca

Facebook

Seguidores

Arquivos

Populares

Editoras Parceiras 2019

Tecnologia do Blogger.

FADA SCRAP FESTA