Book Review: Os Animais Também Vão Para o Céu, por Camila Pelegrini e outros autores

por - novembro 20, 2018

Oi oi gente!!

Sei que sumi e peço mil desculpas por isso, mas tive que tirar umas férias rápidas e ficar longe de todas as redes sociais (e isso incluiu o blog). Mas para voltar com tudo, decidi trazer um Book Review do livro que me fez derramar algumas lágrimas durante o periodo que passei estudando.


Autores: Ana Bittencourt, Wesnen Tellurian, Michael Vasconcelos, Martha Ricas, Evelyn Santana, Italo Oliveira, C. David, Malu Ghiraldeli, Duda Santos, Décio Gomes, Daya Alves, Tabatha Cuzziol, Kate Willians, Larissa Milena, Lola Gutierrez, Clécia Melo, Katerine Grinaldi, Nayara Yanne, Natasha Coutinho, Fernando Diaz, Camila Lobo, Bruno Godoi.
Ano: 2017
Páginas: 283
Editora: Sinna
Onde encontrar: Amazon  | Site
Dizem que anjos têm asas. Mas e se, na verdade, eles tiverem focinhos?O que todos os contos deste livro têm em comum é o respeito por outras espécies e a humildade de se reconhecer que temos menos a ensinar e muito mais a aprender do que pensamos. Os professores? Os corações puros, doces e sábios que vêm a esse mundo para falar a quem consegue ouvir com a alma. São histórias comuns que se tornam extraordinárias quando notamos a presença dos animais em todas as páginas. Sorte a nossa tê-los também em nossas vidas e, por que não, também além dela. Afinal, os animais também vão para o céu. Ou será que é de lá que eles vêm?
Os Animais Também Vão Para o Céu, é um livro com 22 contos e todos tem algo em comum - o carinho pelos animais de estimação. A obra tem uma carga emocional bem pesadinha, porque a partir do primeiro conto eu já estava me debulhando em lágrimas.

Nesse livro podemos observar que todos os autores quiseram demonstrar o quanto os animais são importantes para a nossa vida, e como eles são tratados por alguns donos.

Claro que, cada autor abordou de uma forma diferente a premissa do livro. E isso ficou evidente em cada conto. Na forma de nos mostrar que os animais domésticos não são para serem tratados como uns "nadas" ou como se não tivessem sentimentos. Eles não são brinquedos, e os nossos amores de quatro (duas ou três) patas são a mais pura forma de amor que existe no mundo.

Esse livro tem metáforas e reflexões bonitas e impactantes, tudo isso sem deixar de ser envolvente e poético. Infelizmente, eu não li todos os 22 contos, pois, alguns me deixaram chorando durante horas e isso me fez largar um pouco o livro.

A obra não é ruim, pelo contrario, é a mais maravilhosa que já li na vida. Eu super recomendo essa leitura, porque vai te marcar de uma forma tão positiva que você vai repensar na forma de ver um animalzinho.


A capa e a diagramação estão impecáveis. A paleta de cores da capa é bem delicada, e deixa o livro aparentemente bem fofinho. A diagramação é comum, e as folhas são amareladas o que ajuda bastante a leitura.

Como podem ver nas fotos, o livro tem ilustrações e elas aparecem no final de cada conto. Mostrando os personagens que aparecem na história do momento.

Espero que tenham gostado do post, e me contem se já leram ou viram essa obra em algum lugar.

Beijoss, e até a próxima!!

PODE SER QUE VOCÊ TAMBÉM GOSTE:

1 Comments

  1. Que livro lindo, não somente a capa como a ideia dele no geral. Eu sinto que mesmo eu mostrando meu amor e afeto pela minha cachorra, ainda sim eu não consigo mostrar tudo o que eu sinto por ela.
    Eu perdi o meu cachorro esse ano então acho que não conseguiria ler esse livro por agora, mas com certeza irei ler em algum momento.

    Blog Covil Dourado | Facebook

    ResponderExcluir