TAG: 7 Pecados Literários


Hey Guys, 
Prontos para mais uma Tag incrível? ♥

Desta vez eu fui indicada pela Micaela do Lendo com Ela, para responder a essa tag dos 7 Pecados. Vou responder igualzinho a ela, começando do último pecado para o primeiro (Ordem Decrescente).


7 - Inveja: Qual livro você gostaria de receber de presente ?
Nossa qualquer livro que eu receber já vou agradecer. Não sou aquela pessoa que recebo muitos presentes ou ganha sorteios (apesar de ter ganhado todos os livros da Rainbow Rowell).

6 - Luxúria: Que atributos você acha mais atraentes em personagens femininos e masculinos ?
Coragem e persistência. Muitos dos personagens que gosto tem esses atributos, e isso me faz gostar e admira-los.

5 - Vaidade: Qual livro você leria apenas pela capa?

Sim, The Kiss of Deception eu comprei o livro apenas pela capa, e vou terminar de ler apenas em Novembro. 

P.S e consegui. Esse post foi respondido alguns meses atrás e nesse mês eu terminei o livro (estou tão feliz).

4 - Preguiça: Qual livro você tem negligenciado devido a preguiça ?
Fangirl da autora Rainbow Rowell. Ganhei de um sorteio os livros da autora, mas ainda não li nenhum.  

3 - Gula: Qual livro você devorou sem vergonha alguma ?
Ink Me da autora parceira Ivanka. Estou lendo ele no momento, e só parei para postar essa tag.

2 - Ira: Com qual autor você tem uma relação de amor/ódio ?
J.K. Rowling. Eu gosto dos livros da série HP mas não curti ler Morte Súbita.


1 - Avareza: Qual o seu livro mais caro e o mais barato ?
O mais caro é A Esperança da Suzanne Collins, eu paguei R$ 40,00 por ele, e me arrependo pois encontrei o Box por R$ 35,00. 
O livro mais barato foi Paris for One da autora Jojo Moyes, eu paguei apenas R$ 6,70 por ele.

  Marcarei alguns blogs e espero que façam a tag! Beijão!

Resenha: Depois daquela montanha de Charles Martin


Autor: Charles Martin   |    Páginas: 304 |  Ano: 2016  |   Editora: Arqueiro |  Skoob


O Dr. Ben Payne acordou na neve. Flocos sobre os cílios. Vento cortante na pele. Dor aguda nas costelas toda vez que respirava fundo.
Teve flashes do que havia acontecido. Luzes piscavam no painel do avião. Ele estava conversando com o piloto. O piloto. Ataque cardíaco, sem dúvida.
Mas havia uma mulher também – Ashley, ele se lembra. Encontrou-a. Ombro deslocado. Perna quebrada.
Agora eles estão sozinhos, isolados a quase 3.500 metros de altitude, numa extensa área de floresta coberta por quilômetros de neve. Como sair dali e, ainda mais complicado, como tirar Ashley daquele lugar sem agravar seu estado? À medida que os dias passam, porém, vai ficando claro que, se Ben cuida das feridas físicas de Ashley, é ela quem revigora o coração dele. Cada vez mais um se torna o grande apoio e a maior motivação do outro. E, se há dúvidas de que possam sobreviver, uma certeza eles têm: nada jamais será igual em suas vidas.
O livro conta a história do Dr. Ben Payne. Ele é um médico, e está voltando para casa depois de uma semana de trabalho. E Ashley é colunista e está voltando para casa por causa dos preparativos do seu casamento. Ela já está com tudo programado: Salão, Amigas e Vestido. A única coisa que falta é chegar em casa...
Os dois estão no Aeroporto de Salt Lake City, que fica em um lugar remoto cercado por montanhas. Porém, por causa do tempo os seus voos foram adiados para o outro dia. Ben não queria esperar e foi a um a agencia de aviões particulares e conseguiu um. Como ele conheceu Ashley e viu que era uma boa moça e estava com mais pressa de chegar em casa, chamou ela para ir com ele. Ashley fica com receio de ir, pois acabou de conhece-lo. Mas como está com pressa acaba aceitando. 
Antes de entrar no avião a esposa de Ben manda um recado, que no decorrer da leitura você descobre que eles brigaram. 
O avião parte com nossos protagonistas, os dois pilotos Gayle, Grover e Napoleão o cachorro de um dos pilotos. 
A última coisa que me lembro é que houve um rodopio, uma cambalhota, e a cauda se quebrou. Em seguida, ouvi um estalido alto, Ashley gritou, o cachorro latiu e foi lançado fora da aeronave. [...]

Bom, como vocês já sabem o avião cai. Ao acordar Ben tenta entender o que aconteceu. Por causa da queda ele teve uma rápida perda de memória. Ao lembrar ele se preocupa em achar Ashley e os outros. Ele se lembra do piloto (está na sinopse) que infelizmente está morto, e encontra Ashley que está toda ferida, e pior está com a perna quebrada.

Enquanto Ashley está ferida Ben está procurando ajudá-la sempre. Um ajuda o outro. Mas enquanto o tempo passa, ele fica pensando sobre o seu relacionamento com Rachel, sua esposa. 
A última imagem que me lembro de ter visto foi a do borrão verde avançando lentamente pelo brilho azulado do GPS montando no painel de controle.
A história é bem simples. Mas com bastante intensidade. O autor fez um bom trabalho em relatar fatos. O livro também tem algumas partes engraçada da parte de Ashley. Uma lição de vida que te faz pensar em tudo.

O livro é narrado em primeira pessoa, do ponto de vista do Dr. Ben. A diagramação é perfeita, não encontrei nenhum erro de ortografia ou na impressão. A editora fez uma capa bem simples (diferente das obras publicadas), o que me deixou curiosa. Achei que a história poderia ser normal, mas não é nem de longe. A história parece ter sido baseada em fatos reais, pois as características que o autor fez e o ambiente é bem real, sério eu fiquei imersa na escrita dele. O que ajudou bastante na leitura.

E para quem gostou do livro ou ainda está com dúvidas, saiba que ele será adaptado para as telonas. Ele chegará aos cinemas em 2017, com Kate Winslet (de Titanic) e Idris Elba (De Mandela) escalados para os papéis principais de uma história que vai reafirmar sua crença na vida e no poder do amor. Bom, tem a Kate que nos fez chorar em Titanic, então já da para ter uma noção de como vai ser o filme (preparem os lencinhos).

Então foi isso pessoal, espero que gostem do livro. E se já leram me contém nos comentários.

Dicas de Séries + suas curiosidades


Foto: Meninices da Vida
Oi oi queridos, me diz quem não é viciado em séries?
Assim, eu assisto e já assisti tantas que até perdi a conta. Mas tem um post, que fiz a muuuito tempo, que eu listei as minhas séries favoritas. (Link)
Recentemente eu estava olhando os meus post antigos (Quem nunca) e percebi que faz uns 4 meses que não falo sobre as séries. E que pra falar a verdade algumas chegaram com tudo esse ano. 

Então resolvi fazer um post hoje falando um pouco das últimas que assisti, sejam boas ou não. Espero que gostem!
Barry Allen aparece na série Arrow, antes de se transformar em o Flash, como o policial forense que está investigando um crime. Ele aparece na série como uma apresentação do personagem para a familiarização com o público. 

The Flash
Quem não assistiu tem que assistir. A série é engraçada, chegar a irritar as vezes que Barry vai para o passado para ajeitar a besteiras que faz. A série é ótima para quem gosta de uma ação e de um pouco de fantasia. Barry Allen (Grant Gustin) era um funcionário da Polícia Científica que, ao sofrer um acidente, foi banhado por produtos químicos em seu laboratório e, em seguida, atingido por um raio. Foi a partir disso que ele começou a ser capaz de canalizar os poderes vindos do "Campo de Velocidade", e se locomover em altíssimas velocidades. Usando uma máscara e um uniforme vermelho, ele começa a usar suas habilidades para patrulhar Central City com a ajuda dos cientistas da S.T.A.R. Labs, e detém vilões ao mesmo tempo em que procura descobrir quem foi o assassino de sua mãe. 
Os atores Zach Roerig, Michael Trevino e Paul Wesley fizeram teste para interpretar Damon antes de entregar-se aos seus respectivos papéis. Ou seja todos querem ser o Damon.


The Vampire Diaries

Essa série é para quem adora vampiros. Tem um fundo de drama, com bastante fantasia. Eu gosto tanto de TVD que coloquei o nome do meu cachorro de Mason (na verdade foi por causa de Academia de Vampiros, mas isso não vem ao caso.). Bom, a série foi baseada nos livros Diários de um Vampiro, e a autora procurou muito até encontrar os personagens perfeitos para montar a trama. A cidade fictícia de Mystic Falls, na Virgina, é assombrada por criaturas sobrenaturais. Damon (Ian Somerhalder) e Stefan Salvatore (Paul Wesley) são irmãos que ganharam a condição de vampiro e desde então procuram manter sua imortalidade em segredo. Ao mesmo tempo, buscam resistir à vontade de atacar seres humanos. Ambos conhecem Elena Gilbert (Nina Dobrev), uma linda e popular estudante, e logo se atraem por ela. No entanto, a jovem corresponde apenas um dos interessados, e estes iniciam uma disputa por sua alma.
O personagem Chuck é geralmente visto usando tênis Converse Chuck Taylors, normalmente chamados simplesmente de "chucks".


Chuck


Eu não me lembro quando comecei a assistir Chuck, mas creio que faz muito tempo. A série foi criada para quem ama espionagem e curti uma boa comedia. A série fala de um cara chamado Chuck Bartowski (Zachary Levi) é um nerd "gênio da informática" que tem um emprego monótono na fictícia rede Buy More. Sua rotina vira de ponta à cabeça quando um amigo, que trabalha na CIA, envia para Chuck um misterioso e-mail e, agora, as maiores informações secretas do mundo estão em seu cérebro. Sem querer, ele se tornou a maior arma do governo, e o destino do país e do mundo estão em suas mãos. Para que ele fique seguro, a CIA e a NSA enviam dois agentes secretos que precisam ficar o tempo todo junto a Chuck para mantê-lo vivo. Sarah Walker (Yvonne Strahovski) finge que é sua namorada para poder ficar perto dele e, ao mesmo tempo, ele tenta manter o seu segredo escondido dos amigos e da irmã. 
Em uma edição da Comic Con, foi revelado que os atuais descendentes dos Irmãos Grimm moram em Portland. Os produtores descobriram essa informação por um membro da audiência do evento.


Griim

Eu gosto adoro dessa série. É a melhor para os fãs de mitologia, fantasia e quem adora uma investigação policial. Nick Burkhardt (David Giuntoli) é um detetive de homicídios que recebe novas responsabilidades após descobrir que é descendente de Grimm, uma sociedade secreta. O seu principal objetivo é conseguir encontrar um ponto de equilíbrio entre a vida real e a mitologia. A nova rotina traz desafios e perigos, sobretudo à noiva de Nick, Juliette Silverton (Bitsie Tulloch), e ao colega de trabalho, Hank Griffin (Russell Hornsby). 


As referências aos anos 80 começam na abertura, inspirada no trabalho de Richard Greenberg, criador de diversas aberturas icônicas como Alien, Superman, Os Goonies e Viagens Alucinantes).


Stranger Things
Não tem como não falar sobre Stranger Thigns. Essa série foi é uma das mais vistas do momentom. Tudo isso, por causa do misterio que os autores da obra fazem. Ambientada em Montauk, Long Island, conta a história de um garoto que desaparece misteriosamente. Enquanto a polícia, a família e os amigos procuram respostas, eles acabam mergulhando em um extraordinário mistério, envolvendo um experimento secreto do governo, forças sobrenaturais e uma garotinha muito, muito estranha.


E foi assim que me viciei em Netflix. Por hoje é só, caso vocês queiram eu posso fazer uma parte II. Falando das séries e de suas curiosidades. Eu assisto muitas séries entaão...


Imagens: Retiradas do Google.
Curiosidades: Site Adoro Cinema.

Resenha Fazendo meu filme da Paula Pimenta



 Titulo:   Fazendo meu filme 1  |     Editora: Gutenberg    |     Autora:  Paula Pimenta|     Páginas: 336

O livro é narrado em 1° pessoa pela Fani, a personagem principal. Fani é uma adolescente de 16 anos, mineira , que, durante todo o livro, conta sobre seu cotidiano, sua timidez, seu contato com sua família, os momentos com seus amigos, sua paixão por Marcos, seu próprio professor de Biologia. O livro tem algo a mais, pois conta a vida de uma simples garota brasileira, que é apaixonada por filmes, avalia todos filmes que assistiu por estrelinhas, vive indo ao cinema. Tem muitos amigos, a Gaby, a Natalia, a Priscila, o Rodrigo, o Alan, o Léo…

É tão estranho como uma pessoa fica diferente aos nossos olhos quando o sentimento da gente muda. Eu já vi o Leo milhões de vezes, mas de repente ele ficou muito mais bonito! É certo que eu sempre o achei uma gracinha, o sorriso dele é um dos mais charmosos que eu já vi, mas de uma hora pra outra parece que ele ficou iluminado.
O que achei interessante, em primeiro lugar nesse livro, é que a autora usa muito o fato da Fani ser apaixonada por filmes, a autora introduz, antes de cada capítulo, uma frase de algum filme que tenha algum ‘’spoiler’’ do que vai acontecer, várias vezes, ao ler a frase, já consegui adivinhar o que vinha adiante… O livro também conta com E-mails que Fani troca com seus amigos e também possui os telefonemas que ela realiza, além de testes, listas, fichas, bilhetinhos..

A mãe de Fani quer o melhor para sua filha, neste livro e nos outros, pude perceber que ela é do tipo que quer que a filha se destaque para poder contar para suas amigas, então convence Fani a realizar uma prova de intercâmbio, e Fani faz sem esperança alguma, ela não queria passar, mas leva uma surpresa e tanto quando se depara com o resultado da prova : ela passou em 1°, e irá para Inglaterra passar um ano , o que muda tudo.


“Sempre achei que os melhores filmes são aqueles que terminam e deixar no ar os futuros acontecimentos, para que possamos inventar por nós mesmos a continuação. Minha vida é assim. Não sei como serão meus próximos capítulos, mas posso imaginá-los e tentar vivê-los o mais fielmente possível ao roteiro que eu mesma vou criar.”
Fani terá que deixar seus amigos,sua família, seus filmes e ir para o exterior, onde não conhece ninguém e terá que morar com outra família,  mas alguns imprevistos acontecem, Fani vai viajar, sabendo que deixou um grande amor para trás, um amor correspondido, e não estou falando de seu professor de biologia…

Paula Pimenta é uma das minhas escritoras favoritas, com escrita envolvente e que pode conquistar todas jovens e criar o gosto pela literatura em qualquer um, minha história em ler compulsivamente começou com esta série, que eu vou sempre estar relendo e indicando a todos. 


“Pode desligar, você pode fugir de mim, mas acho que já passou da hora de você parar de fugir dos seus sentimentos... admita de uma vez por todas que está com ciúmes do Leo!”
Indico para todas as idades, se você quer ler uma série apaixonante, te indico essa. Aliás, a história continua em ‘’Fazendo meu filme 2- ‘’ onde Fani nos conta suas aventuras na Inglaterra, e também tem ‘’Fazendo meu filme 3’’ onde acompanhamos as mudanças que ocorreram após sua viagem e termina em ‘’Fazendo meu filme 4’’ um ótima final para o casal, OPS, sem spoilers, para a Fani



Sou Alice Mendes, tenho 21 primaveras e sou Pernambucana. Aqui você encontra um pouco de tudo que eu mais amo no mundo: livros, seriados, filmes, fotografia e muito mais ;)

Sorteio

Busca

Facebook

Seguidores

Arquivos

Populares

Editoras Parceiras 2019

Tecnologia do Blogger.

FADA SCRAP FESTA